Fones: (12) 3624-8602 / 3411-1940
Email: siteluzdoislam@gmail.com

Hierarquia dos Artigos
Início dos Artigos » O Alcorão Sagrado » Capítulo 47, Muhammad (Muhammad)
Tamanho da Fonte
Capítulo 47, Muhammad (Muhammad)

https://i.pinimg.com/originals/34/1a/ec/341aecb824176fa9173435175dd2149e.jpg

 

Descrição: Contrastando dois grupos: um aceita a verdade e o outro se recusa.  Um receberá recompensas e os outro verá as suas obras serem tornadas sem valor.

 

Por Aisha Stacey (© 2019 IslamReligion.com)

 

Introdução

Este capítulo com trinta e oito versículos foi revelado em Medina.  Geralmente entende-se que os capítulos de Medina se concentram na criação de uma sociedade muçulmana funcional.  Este não é diferente e aborda diversos assuntos, incluindo a guerra, o que acontece com aqueles que tentam impedir que outros se convertam ao Islã e a inutilidade de se opor a Deus e Seu Profeta.   No momento da revelação, os incrédulos tinham conseguido expulsar o Profeta Muhammad, que a misericórdia e as bênçãos de Deus estejam sobre ele, e seus seguidores de Meca. No entanto, ao fazê-lo selaram seu próprio destino.  O título vem da menção do nome do Profeta Muhammad no versículo dois.

Versículos 1-11 Aqueles sem um protetor

Aqueles que não creem e tentam impedir outras pessoas de crer, Deus tornará suas boas ações sem valor.  No entanto, aqueles que fazem o bem e acreditam no que foi revelado a Muhammad, a verdade de Deus, Deus removerá seus erros e melhorará a sua condição.   Os incrédulos seguem a falsidade, enquanto os crentes seguem a verdade.  Deste modo, Deus mostra aos outros o que realmente são.

Quando encontram descrentes no campo de batalha, ataquem-nos e aprisionem os que restarem.  Após a batalha podem libertá-los, seja por bondade ou por meio de resgate.  O próprio Deus poderia ter exercido a vingança, mas Ele ordenou uma luta armada para testá-los.  Os mortos na causa de Deus nunca perderão suas boas ações.  Ele os guiará, melhorará a sua condição e os admitirá ao Paraíso que Ele já lhes fez conhecer. 

Deus apoiará os crentes e os tornará perseverantes; quanto aos incrédulos, encontrarão a miséria e suas ações serão desperdiçadas.  Eles não gostaram do que Deus revelou e, por isso, suas obras serão inúteis.  Enquanto viajam pela terra, veem o que aconteceu com os descrentes das nações anteriores.  Deus os destruiu totalmente, e um destino semelhante aguarda esses descrentes.  Deus protege os crentes, mas os descrentes não terão protetor algum.

Versículos 12 - 19 Descrentes e hipócritas

Aqueles que creem e fazem boas ações serão admitidos no Paraíso, onde jardins florescem e correm os rios.  Os descrentes podem desfrutar seus prazeres deste mundo, mas o fogo será a sua morada eterna.  Deus destruiu muitas cidades mais fortes que Meca; elas não tiveram ajudantes.  Pode aquele que segue uma orientação clara ser comparado com a pessoa que comete atos sujos e segue seus próprios desejos?!

Nas descrições do Paraíso, os justos recebem a promessa de rios de água pura, leite, vinho e mel puro.  Também terão frutas de todos os tipos e o perdão de seu Senhor.  Essas pessoas não são como aquelas que estão no Inferno bebendo água escaldante, que queima seus intestinos.

Existem alguns (os hipócritas) que escutam Muhammad e depois perguntam aos sábios: "O que ele acabou de dizer?" Eles tinham intenções corruptas e, portanto, não entenderam nada, nem se importaram.  Enquanto que, aqueles que buscam orientação, Deus a facilita para eles.  Ele lhes aumenta a orientação e a consciência de Deus.   Eles estão esperando o Dia do Juízo para pegá-los de surpresa?! Esperar até o último momento será muito tarde.  Não há outra divindade além de Deus, então (Muhammad) peça-Lhe perdão e para perdoar os crentes, homens e mulheres.  Deus conhece suas atividades e quando descansa.

Versículos 20-28 E suas ações são inúteis

Os crentes perguntam por que Deus não enviou uma revelação que lhes permita lutar.  No entanto, quando essa ordem é dada, pode-se ver aqueles em cujos corações há hipocrisia que seus rostos estão doentes com medo da morte.  Teria sido melhor para eles serem obedientes quando a decisão de lutar foi tomada.  Podem espalhar a corrupção e romper seus laços de parentesco.  Aqueles que são amaldiçoados por Deus ficam cegos e surdos.  Há bloqueios em seus corações e, por isso, não ponderam sobre as palavras do Alcorão?

Aqueles que voltaram para a descrença após a orientação foram seduzidos e então enganados por Satanás.  Dizem que acreditarão em alguns assuntos, mas Deus conhece todos os seus esquemas.  Quando os anjos os levarem na morte baterão em seus rostos e em suas costas porque seguiram coisas que incorreram na ira de Deus e não gostavam de agradar a Deus.  Ele tornou suas ações sem valor.

Versículos 29 – 38 Deus é livre de todas as necessidades

Será que aqueles cujos corações estão doentes acham que Deus não revelará a sua malícia? Se Deus assim desejasse Ele poderia marcá-los, de modo que se poderia dizer claramente quem são, mas deverão ser capazes de identificá-los a partir de seu discurso.  Deus sabe tudo que fazem, e serão postos à prova até que Ele torne evidente aqueles que se esforçam pela causa de Deus e os pacientes.  Na verdade, os incrédulos e os que afastaram as pessoas do caminho de Deus, e que disputaram com o Profeta Muhammad, mesmo depois de a orientação ter se tornado clara para eles, não podem prejudicar Deus de forma alguma.  E suas obras se tornarão inúteis. 

Ó crentes! Obedeçam a Deus e ao Profeta Muhammad e não deixem que suas ações sejam invalidadas.  Deus não perdoará aqueles que não creem (e morrem como descrentes) e colocam obstáculos para os demais em sua jornada para a verdade.  Não se enfraqueçam, enquanto têm a preponderância.  Deus está com vocês e nunca os privará de suas boas ações.  A vida deste mundo é trivial em comparação com a Outra Vida.  Acreditem e temam a Deus e Ele lhes dará a sua recompensa, sem nunca pedir que desistam de todos os seus bens.  Se Ele exigisse todas as suas posses, gostariam de retê-las, expondo sua falta de vontade.  Agora Ele pede apenas um pouco, mas alguns de vocês não estão dispostos.  Aqueles que cobiçam o que Deus pede prejudicam apenas a si próprios, porque Deus é livre de todas as necessidades; vocês são os necessitados.  Se se recusam e se afastam, Deus os substituirá por pessoas que não agem como vocês.

 

https://www.islamreligion.com/pt/articles/11332/capitulo-47-muhammad-muhammad/

Navegação de Artigos:
<< Artigo Anterior || Próximo Artigo >>

Compartilhar esse Artigo:
Url
BBCode
HTML

Centro Islâmico de Taubaté © 2009-2019, todos os direitos reservados.
Rua Benedito Silveira Moraes, 221, Bairro Jardim do Sol - Taubaté - SP. CEP: 12070-290. Fones: (12) 3624-8602 / 3411-1940.
E-mail:
siteluzdoislam@gmail.com

3,445,363 visitas únicas

site desenvolvido por www.wsdbrasil.com.br

Powered by PHP-Fusion copyright © 2002 - 2019 by Nick Jones. Released as free software without warranties under GNU Affero GPL v3